LGPD pode gerar demissão por justa causa?

LGPD e justa causa

O TRT-2, recentemente, aceitou a demissão por justa causa pelo uso inadequado dos dados pessoais no ambiente de trabalho.

No caso, um atendente de telemarketing enviou para seu e-mail pessoal uma lista com dados sigilosos de uma empresa.

O empregado que transfere dados sigilosos da empresa a uma conta pessoal incorre em falta disciplinar grave, que enseja a dispensa por justa causa — ainda que não haja dolo e que as informações não sejam repassadas a terceiros.

A empresa também pode ser prejudicada?

A empresa é responsável por essas informações sigilosas e também responderia caso esses dados vazados gerassem danos a terceiros.

Portanto, é muito importante o treinamento dos colaboradores e a difusão dos procedimentos para uso de dados pessoais e confidenciais

Quer saber como? Entre em contato.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acessar WhatsApp
Fale conosco!
Entre em contato conosco para tirar suas dúvidas sobre nossos serviços.